Histórico

O movimento brasileiro de incubadoras de empresas registrou índices expressivos de crescimento na última década, alcançando média superior a 25% ao ano. De acordo com um estudo realizado em 2011 pela Anprotec, em parceria com o Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovação (MCTI), o Brasil conta atualmente com cerca de 380 incubadoras de empresas, que juntas apoiam mais de 3,8 mil empreendimentos (entre empresas incubadas e associadas), as quais geram cerca de 17 mil postos de trabalho em diferentes regiões do país. Essas incubadoras já graduaram cerca de 2,5 mil empresas, que hoje geram aproximadamente 30 mil empregos, faturando R$ 4,1 bilhões por ano.

Reconhecidas como importantes ferramentas de desenvolvimento socioeconômico, por meio de sua contribuição à melhoria da competitividade dos negócios apoiados, as incubadoras brasileiras agora se deparam como novos desafios. É preciso adaptar a estrutura e os serviços oferecidos às demandas atuais do mercado e da sociedade, ampliando quantitativa e qualitativamente seus resultados para estender seus benefícios a uma parcela cada vez maior da população.  Para se manterem como agentes do desenvolvimento nas regiões onde estão inseridas, é essencial que as incubadoras estejam preparadas para atuar nesse novo cenário.

Diante desse contexto, o Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas – Sebrae e a Associação Nacional de Entidades Promotoras de Empreendimentos Inovadores – Anprotec trabalharam juntos para construir um novo modelo de atuação para as incubadoras brasileiras. A plataforma denominada Centro de Referência para Apoio a Novos Empreendimentos – Cerne visa promover a melhoria expressiva nos resultados das incubadoras de diferentes setores de atuação, tanto em termos quantitativos quanto qualitativos.

Esse modelo de incubação de empresas busca suprir a necessidade das incubadoras em ampliar a capacidade de geração sistemática de empreendimentos de sucesso. Com a implantação do Cerne, a incubadora passa a atuar de forma proativa na promoção do desenvolvimento sustentável, com base na inovação.

EVENTOS